Arraial Gastronômico do Projeto Buscapé

Era uma vez um Arraial,

mas não era qualquer um,

era um Arraial Gastronômico,

e não era apenas isso,

era também Solidário.

Pessoas de enorme coração e boa vontade,

reunidas em prol de um sonho comum,

ajudar crianças.

Mas ainda não era só isso,

ia muito além,

ajudar é pouco,

bom mesmo é resgatar a dignidade e oferecer um futuro.

Há sonhos que merecem ser sonhados em conjunto, porque assim vão se transformando em realidade.

Ninguém me contou, eu vi e fotografei, quando o William chegou à festa, de muletas (lesionou gravemente o joelho durante uma aula de judô no Projeto Buscapé), e logo foi cercado por muitas crianças que se amontoaram em torno dele. Sentado em sua cadeira, recebeu abraços, beijos, posou para fotos.

Aquelas crianças, tinham um  prazer genuíno, expressavam um amor incondicional. Embora ainda  novas para entenderem muitas coisas sobre a vida, já carregavam algumas certezas: eram amadas e tudo aquilo que as cercava sinalizava um futuro melhor.

Os olhinhos brilhantes de cada uma delas, diziam muito obrigado. Um muito obrigado daqueles tão profundos que não necessitam sequer de uma palavra. Um muito obrigado para aquele que foi o primeiro a sonhar esse sonho, o William, que com seu ideal, contagiou toda a base da Polícia Militar de Boiçucanga (o Projeto Buscapé acontece numa edícula nos fundos da base da PM) e começou a transformar a tristeza daqueles olhinhos que viviam se esperança, na alegria dos mesmos olhos que eu percebi naquele arraial.

Mas o sonho do William, passou também a ser sonhado por um outro caiçara, um chef muito querido e orgulhoso de suas raízes. Um chef que pensa na comida que alimenta almas, Eudes Assis, você é o cara! Você conseguiu mobilizar chefs de todos os cantos, simplesmente porque foi capaz de passar o sonho adiante. Hoje as crianças do Projeto Buscapé já tem mais um caminho a seguir, o da gastronomia, graças à você!

E quantos chefs e profissionais da área não se mobilizaram em prol das crianças, doando mais que os ingredientes de seus pratos, doando seu trabalho, seu tempo, sua solidariedade. Que orgulho ver a dedicação de cada um naquela festa. Foram lá para alimentar mas, na verdade, creio que saíram alimentados.

Cláudia Jardim, o que seriam das crianças sem o seu carinho, sem o treinamento que lhes dá na área de hotelaria, possibilitando mais um caminho para o futuro delas; e o que seríamos de nós voluntários que vamos trabalhar na festa sem a acolhida generosa no Hotel Moby Dyck.

Vovô, sempre saindo em defesa dos pequenos.

Luiza Estima, minha amiga, pessoa especial que assessora com muito carinho a parte de imprensa do Projeto Buscapé, batalhando tanto para que ele apareça na mídia.

Foi tanta gente boa que quiz ajudar que nessa lista de chefs faltaram o chef de Recife Jamesson Santos que arrasou com o seu Bolo de Rolo e o também o chef Rafael Olintho de Santos e a chef Elzinha Nunes (Dona Lucinha – SP)

Família Kussano quanta dedicação e carinho de toda a família para o Arraial Gastronômico.

Enfim, é isso, uma lição de vida pra todos nós – “Se não puder fazer tudo, faça tudo o que puder”

Obrigado ao cantores e bandas que também doaram seu trabalho para ajudar na animação da festa. Obrigado ao público que compareceu em massa para prestigiar o evento e ajudar as crianças do Projeto Buscapé

Alessander Guerra

7 Comentários

  1. Olá Pessoal!!!

    Acho que esqueceram de um chef!!!
    Chef Jamesson Santos, que fez um delicioso bolo de rolo!
    Inclusive ele aparece nas fotos acima!!!
    Abraço,

  2. É verdade…acho que esqueceram de mencionar na lista o Chef Jamesson Santos, com seu incrível Bolo de Rolo! A festa foi maravilhosa, Parabéns à todos os envolvidos!

  3. Em 2015 tem mais! A aelgria de participar é contagiante! Cada vez mais gente participa do Arraial, provando as guloseimas e contribuindo com a arrecadação, e mais profissionais da cozinha fazem parte. Obrigada pelo apoio, Cuecas! Siga conosco nessa causa.

Envie uma mensagem