Receita de Batatas Gratinadas

Recebi uma cesta de ingredientes e fui convidado pela equipe do filme A 100 Passos de um Sonho, para preparar uma receita do livro: Le Cordon Bleu Cuisine Foundations. Gratin dauphinois é uma Receita de Batatas Gratinadas daquelas bem comfort food, que pode ser provada sozinha como prato principal ou entrada e, ainda, acompanhando carnes. O sabor é deliciosamente leve e suave! No final do post conto minhas sugestões.

Sobre o filme A 100 Passos de um Sonho, que eu tive a oportunidade de assistir, é daqueles roteiros bem simples. Ligeiro, tem como propósito maior mostrar as diferenças entre as cozinhas francesa e indiana (não só seus ingredientes, mas também seus personagens), sinalizando contribuições que uma pode trazer a outra. Os guias Michelin e os livros do Le Cordon Bleu fazem parte da trama.

Sinopse do filme A 100 Passos de um Sonho: No sul da França, Madame Mallory (Helen Mirren) é uma respeitada e autoritária dona de um restaurante estrelado no famoso guia Michelin que está cada vez mais preocupada com um estabelecimento indiano, concorrente, que abriu do outro lado da rua do seu empreendimento. Ela trava uma verdadeira guerra contra o vizinho, mas aos poucos conhece o filho do seu adversário, Hassan Kadam (Manish Dayal), um garoto com verdadeiro talento para a culinária. Os dois tornam-se amigos, e Mallory passa a guiá-lo pelos conhecimentos da refinada gastronomia francesa, sem abandonar a tradição indiana, encorajando-o a alçar voos muito mais altos.

Mas vamos à Receita de Batatas Gratinadas

 

Gratin dauphinois

Receita do livro: Le Cordon Bleu Cuisine Foundations

Serve de 8 a 10 porções

 

Ingredientes

  • 1,5 litro de leite
  • Noz-moscada ralada na hora
  • 1 pacote de “Bouquet Garni” (tomilho, louro e sálvia)
  • 2 dentes de alho
  • 165 ml de creme de leite integral
  • 1,2 kg de batatas com textura firme
  • Pimenta moída na hora
  • 120 g de queijo tipo Gruyère ralado
  • Manteiga sem sal, macia para prato gratinado
  • Sal e pimenta

 

Preparo

1. Pré-aqueça o forno a 190oC.

2. Unte uma travessa funda resistente ao calor com uma camada de manteiga derretida e reserve na geladeira.

3. Misture leite, noz-moscada ralada, o “bouquet garni” e o alho em uma panela média em fogo médio. Leve o líquido à fervura, retire-o do fogo e deixe infundir por 5 minutos.

4. Enquanto isso, lave e descasque as batatas, cortando-as bem finas, com uns 3mm. Não lave as batatas pois o amido é necessário.Arrume as tiras de batata em camadas bem compactadas na travessa funda untada com manteiga e tempere cada nova camada com sal e pimenta.

5. Misture o creme ao leite quente depois despeje através de uma peneira fina sobre as batatas. Deixe descansar por 1 a 2 minutos. As batatas absorverão o líquido e o nível diminuirá. Cubra com o líquido restante. Repita até que toda a mistura de leite seja utilizada. Tempere a parte de cima e salpique uma porção generosa de queijo ralado. Cubra o prato com papel alumínio.

6. Coloque no forno para assar por 1 hora ou até que as batatas sejam facilmente perfuradas com uma faca.

7. Retire a folha de alumínio e leve o prato novamente ao forno para dourar até que a superfície esteja dourada.

8. Retire do forno e deixe descansar por 5 a 10 minutos antes de servir.

 

Dicas do Cuecas na Cozinha

Como cortei as batatas bem finas no mandoline (tipo de cortador) eu não cobri a travessa com papel alumínio, já coloquei direto no forno para assar e dourar.

Levei a travessa ao forno sobre uma assadeira, porque na hora do cozimento transborda um pouco do líquido. Se não tivesse feito isso seria uma sujeirada pra limpar depois!

 

 

Alessander Guerra

7 Comentários

Envie uma mensagem