Cozinhando Sem Glúten

gluten free stamp isolated white 34881535 957x1024 - Cozinhando Sem Glúten

Cozinhando sem Glúten – Cada dia que passa as pessoas ficam mais interessadas em cozinhar sem glúten.

Não só os celíacos (doentes com séria intolerância) e os intolerantes ao glúten (intolerância moderada), mas além disso aqueles que buscam um estilo de vida mais saudável.

Uma das provas desse sucesso é o congresso e feira Glúten Free Brasil.

Procurando ajudar um pouco aqueles que, por motivo de doença ou intolerância, precisam levar uma vida Cozinhando sem Glúten,  seguem algumas informações importantes.

Ajuda

Você descobriu a doença ou intolerância ao glúten, a quem recorrer?

Acelbra – Associação dos Celíacos do Brasil 

Fenacelbra – Federação Nacional das Associações de Celíacos do Brasil

Nessas associações, os interessados terão acesso a informações diversas, incluindo o que pode ou não ser ingerido; olha que interessante essa tabela da Acelbra de alimentos que contém e não contém glúten

Aqui no Cuecas na Cozinha temos uma coluna só de Gastronomia Funcional, com dicas e receitas aos intolerantes ao glúten e lactose. Acesse o link Gastronomia Funcional.

Para completar uma entrevista com a nutricionista e consultora da Nutricêutica Alimentos Funcionais, Natália Dourado.

Cozinhando Sem Glúten

1. Glúten faz mal?

Depende. Para um indivíduo que tenha doença celíaca ou intolerância ao glúten, este nutriente não deve ser consumido. Indivíduos que não apresentem nenhum problema relacionado ao glúten podem consumí-lo.

2.O glúten é encontrado somente no trigo?

Não. O glúten é encontrado também em cereais como aveia, centeio, cevada e o subproduto da cevada – o malte.Todo alimento que conter em sua composição qualquer um destes cereais, contém glúten.

3.O glúten tem alguma ligação com a estrutura dos alimentos?

Sim. O glúten é uma proteína que tem função de dar elasticidade aos alimentos. Ocorre uma fermentação que proporciona a consistência elástica e esponjosa de pães e bolos, garantindo maciez aos alimentos.

4.O glúten engorda?

Não existem comprovações cientificas, porém, uma dieta com restrição de glúten, elimina vários alimentos ricos em carboidratos o que acaba promovendo uma perda de peso devido a restrição de calorias. O excesso de glúten pode provocar distenção abdominal em algumas pessoas causando a sensação de inchaço.

5.Glúten faz mal para celíacos?

Com certeza. Portadores da doença celíaca não devem consumir glúten em hipótese nenhuma. O glúten é uma proteína de difícil digestão que agride a parede do intestino delgado impossibilitando a absorção de diversos nutrientes, tendo como conseqüências a diarréia crônica, vômitos, distenção abdominal, perda de peso, atraso no crescimento e anemia.

6.O celíaco pode tomar cerveja?

Depende.A cerveja comum contém cevada, ou seja, contém glúten, mas hoje em dia já existem produtos sem glúten inclusive cerveja. Portanto, o celíaco deve sempre estar atento aos rótulos nutricionais.

7.Uma dieta isenta de glúten pode ajudar no tratamento do Autismo?

Sim. Vários estudos demonstram que uma dieta livre de glúten e caseína melhoram muito o tratamento do Autismo, pois, estas substâncias imitam efeitos de drogas opioides que em excesso podem ter como conseqüências a euforia, estados hipnóticos e dependência.

8.Existe algum tipo de problema se a pessoa não for celíaca e deixar de consumir o glúten?

Não. A falta do glúten não traz nenhum dano a saúde.

 

 

Alessander Guerra

4 Comentários

  1. >Tal como o teu amigo, a minha melhor amiga descobriu este ano que é celíaca, depois de muitos anos de sofrimento e diagnósticos errados. Tem sido uma batalha, ainda não é muito fácil encontrar todos os produtos e o preço é exorbitante!

  2. >Ameixinha peça para ela entrar nos links das associações que tem muitas dicas de preparos de pratos.

  3. >Gostei do post!
    Ainda mais porque citou a dieta livre sem gluten e leite pros autistas! Tenho um irmão autista que melhorou demais com a dieta!!!

    E no blog do Lu tem um link pro blog da Cláudia Marcelino, autora de um livro de receitas pras pessoas alérgicas, intolerantes ao gluten e para autistas…

    Como disse no post, hoje há diversas alternativas! 🙂

    beijos

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*