>Estácio Gastronomia e Hotelaria

>

chef%252520Alain%252520Ducasse%25255B5%25255D - >Estácio Gastronomia e Hotelaria

o chef Alain Ducasse em pose sob medida para o Cuecas na Cozinha

 

Ontem estive na festa de inauguração do novo campus de Gastronomia e Hotelaria da universidade Estácio que fica na Chácara Flora (zona sul de SP). Com investimento de R$7 milhões anunciado por Eduardo Alcalay, presidente da Estácio, o campus possui oito salas para aulas teóricas, cinco laboratórios – cada um com uma cozinha especializada para os alunos de Gastronomia –, uma suíte-hotel e um restaurante com bar e adega adaptados às aulas práticas. Além disso, duas salas de informática, um auditório com capacidade para 170 pessoas e estacionamento com 200 vagas. Mas com toda a certeza não são as instalações modernas que atrairão os estudantes, mas as grifes internacionais associadas aos cursos.

Montagem%252520cozinhas thumb%25255B4%25255D - >Estácio Gastronomia e Hotelaria

uma panorâmica das cozinhas

 

O curso tecnológico em Gastronomia tem a chancela da Alain Ducasse Formation. Serão 2 anos e meio de duração divididos em 70% de aulas práticas e 30% de aulas teóricas. Grade curricular: Técnicas de Cozinha, Cozinha Regional Francesa, Cozinha Mediterrânea, Cozinha Brasileira, Panificação e Confeitaria, Administração de Negócios Gastronômicos, Cozinha Contemporânea, Marketing em Gastronomia, Enologia, Drinks e Aperitivos, entre outras. E aqui o pulo do gato: os alunos terão a oportunidade de estagiar por um semestre em um dos 27 restaurantes do chef francês, três deles com três estrelas no Guia Michelin. O chef Alain Ducasse veio em pessoa anunciar seu novo empreendimento.

Michel%252520Rochat Ecole%252520h%2525C3%2525B4teli%2525C3%2525A8re%252520Lausanne thumb%25255B1%25255D - >Estácio Gastronomia e Hotelaria

Michel Rochat – Diretor Geral da Ecole hôtelière de Lausanne

 

O Bacharelado em Hotelaria com duração de quatro anos está associado à grife internacional Ecole hôtelière de Lausanne, que tem como Diretor Geral o monsieur Michel Rochat, também presente no evento. Os três primeiros semestres serão focados na prática de funções operacionais e a partir do quarto semestre, as disciplinas se concentram na administração de um hotel. Grade curricular: Gestão de Pessoas, Gestão de Hospedagem, Economia, Gestão Financeira, Conhecimento de Bebidas e Cozinha Internacional. E olha o pulo do gato aqui de novo gente: os estudantes terão a possibilidade de fazer especialização de seis meses a dois anos na escola suíça.

DSC07813 thumb - >Estácio Gastronomia e HotelariaDSC07811 thumb%25255B2%25255D - >Estácio Gastronomia e HotelariaDSC07814 thumb - >Estácio Gastronomia e HotelariaDSC07812 thumb - >Estácio Gastronomia e Hotelaria

antes de cortarem a fita de inauguração, eu dei uma escapada para fotografar a cozinha em ação

 

Minha opinião: Realmente o Brasil necessita cada vez mais de mão-de-obra qualificada na hotelaria; há muito que crescer nesse setor. Quanto à gastronomia, os estudantes precisam começar a aprender que comandar a cozinha de um restaurante não é a única possibilidade para quem estuda. Há muitos ingredientes para descobrir, pesquisar por fazer, produtos a serem desenvolvidos. Enfim, embora o número de estabelecimentos de restauração seja restrito, o universo da Gastronomia é amplo.

Em outro post conto mais da festa!

Alessander Guerra

8 Comentários

  1. >A Estácio está realmente investindo pesado no curso, muito bom saber disso.
    Adicionei seu blog nos Favoritos do Cansei de Miojo, nos visite.

  2. >Gostei do post. Ando querendo fazer gastronomia, mas estou um pouco indecisa sobre mercado de trabalho. Gosto muito de cozinha, mas não sei se no futuro serei uma boa chef, pois sou pessima líder.

  3. >Eu estive na festa tb, mas fui a trabalho para fotografar.
    Fiquei impressionada com as instalações, são sensacionais.
    Preciso te contar que é a segunda vez que te vejo num evento mas fico com vergonha de conversar contigo,rsrs! No próximo prometo que vou deixar a timidez de lado!! 😛

  4. >Oi Alessandre,

    Quase não faço comentários,mas estou sempre por aqui.

    Na revista Veja que saiu sobre os Chefs de Cozinha, foi comentado sobre a instalação da Estácio aqui na Chacara Flora. Eu não sou Chef, mas meu filho está matriculado com inicio em agosto na FAMESP.

    Abraços,

    Elaine

  5. >Diana como eu disse a gastronomia é muito ampla, você não precisa ser chef, pode ser uma pesquisadora, uma estudiosa, etc.

  6. >Elaine, boa sorte a ele. E que comece os estudos com a consciência que essa pode até parecer uma carreira fácil, mas não é.

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*