Barreado de Morretes

Restaurante%252520Emp%2525C3%2525B3rio%252520do%252520Largo%25255B8%25255D - Barreado de Morretes

Conforme contei no Facebook e no Twitter, esse final de semana estive em Curitiba (PR). Aprovetei para visitar a deliciosa cidade de Morretes e provar o famoso Barreado – prato típico feito com carne cozida lentamente, entre vários temperos, por 18h a 24h.

No restaurante Empório do Largo -que fica na casa mais antiga da cidade de Morretes, construída em 1733, moradia do fundador da cidade Sr. João de Almeida- descobri que fora o tempo de elaboração do prato há um ritual bem interessante para serví-lo.

Ritual esse que fotografei. Vamos lá.

 

Barreado%252520Farinha%252520de%252520Mandioca%25255B7%25255D - Barreado de Morretes

Para começar 3 colheres de sopa cheias de farinha de mandioca

Barreado%252520Concha%25255B6%25255D - Barreado de Morretes

Aí 1 concha de barreado com a carne e um pouco de caldo

Barreado%252520Concha1%25255B6%25255D - Barreado de Morretes

+ 1 concha de barreado só o líquido

Barreado%252520Mistura%25255B7%25255D - Barreado de Morretes

Mistura bem

Barreado%252520Mistura1%25255B5%25255D - Barreado de Morretes

Mistura bem mesmo!

Barreado%252520Mistura2%25255B6%25255D - Barreado de Morretes

Já misturou tudo? Agora, amassa bem contra o fundo do prato.

Barreado%252520Hora%252520do%252520Teste%25255B5%25255D - Barreado de Morretes

Fez tudo certinho? Vamos ver. Vire sobre a sua cabeça.

Barreado%252520Hora%252520do%252520Teste1%25255B5%25255D - Barreado de Morretes

Não tá satisfeito? Vire sobre a minha cabeça

Barreado%252520finaliza%2525C3%2525A7%2525C3%2525A3o%25255B6%25255D - Barreado de Morretes

Ok, mise en scène feito, hora de juntar ao prato mais caldo e carne e picar banana.

Barreado%252520finaliza%2525C3%2525A7%2525C3%2525A3o1%25255B5%25255D - Barreado de Morretes

Hora de comer! Vivendo e aprendendo!

Alessander Guerra

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*