>Pinguim de Ribeirão Preto

>

Quem passa por aqui já sabe que fui autor convidado da 10a. Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto. Então, foi delicioso participar e logo farei um post sobre meu bate-papo no Café com Letras.

Pinguim2 thumb%5B1%5D - >Pinguim de Ribeirão PretoEu bebi só depois do Café com Letras e dos autógrafos tá gente!

Mas hoje nós viemos aqui pra beber e não para conversar por isso vamos direto para o Pinguim. Eu estive lá para provar o chopp que é instituição na cidade e vou dizer que o danado é bom.

Pinguim3 thumb%5B2%5D - >Pinguim de Ribeirão Preto Eis o magnânimo Pinguim

Vamos aos tipos de chopp do Pinguim:

Direto: Creme do chopp claro

Fantástico: Creme do chopp claro com creme do chopp escuro

Ferrugem: Chopp claro com gotas do chopp escuro

Pingado: Chopp claro com chopp escuro

Sexual: Creme do chopp escuro

Shortinho: Três dedos do chopp claro com creme do chopp claro

Pinguim1 thumb%5B1%5D - >Pinguim de Ribeirão Preto  E as mesas também tem pernas que lembram ao do cidadão de fraque

E o prédio também é um verdadeiro patrimônio da cidade de Ribeirão Preto. Obrigado pessoal pela acolhida carinhosa!Pinguim4 thumb%5B1%5D - >Pinguim de Ribeirão Preto

fotos da Cris

Alessander Guerra

13 Comentários

  1. >Já faz muitos anos que estive lá e, realmente, o chopp era sensacional. As porções também não deixaram por menos.
    Olha, fiquei até com vontade de conferir como está agora.

  2. >Perdi a conta das vezes que fui lá…
    Qdo vou visitar meus pais, é clássico passar por lá no sábado de manhã…

    Vcs sabem pq dizem, ou diziam, que o chopp de lá é, ou era, o melhor do brasil?

    Existe uma lenda…

  3. >Véio pena que vc não estava por lá quando fui pra Feira do Livro. Podíamos beber juntos! Dia desses a gente se encontra pra vc me contar essa lenda.

    abraço

  4. >Olá !!! Grande post ! parabéns !!
    Eu tenho um grande orgulho , de ser o neto do pinguim !! XD
    A historia de vida dele e da historia de como ele fundou é fantastica , pena q no fim da vida ele teve grandes desilusoes .. mas .. o seu famoso choop contina ai né =)

    Abraço !

  5. >Sou de Ribeirão Preto e posso dizer que gastei boa parte do meu tempo e do meu fígado (quase terminei no Cacique com meu avô pra pegar um empréstimo depois que as contas chegavam) no Pinguím.
    Existem 3 na cidade (um no Centro – o das fotos – e dois em Shoppings da cidade) e um em Belo Horizonte,todos muito bons mas nada comparado ao clássico que fica no Centro da Cidade, ao lado do Theatro Pedro II. É nostálgico entrar e perceber que a chopperia está praticamente igual a 1936. Se for pra conhecer, sem dúvidas, passar por lá (sábado de manhã ou sexta a tarde é o melhor horário).
    A lenda que foi criada é que existia uma serpentina de prata que saia da antiga fábrica da ANTARCTICA e levava chopp direto para ser servido no Pinguim. Caso existisse, ela teria alguns quilômetros de comprimento e, reza a lenda, que o chopp chegava mais gelado que o normal graças a ela, além de tornar a bebida ainda mais encorpada e gostosa.
    Também incluímos nessa lenda que no Pinguim do Centro, ainda há um pequeno trecho dela em uma choppeira, fazendo com que o chopp seja diferente dos demais.
    Bom, a lenda que eu conheço é essa, vou até aproveitar e pegar uma caneca por lá (ficar assistindo DANÇA DOS FAMOSOS é muito masoquismo pra uma noite só).

    Aliás, muito boa a matéria, Alessander. Espero que o chopp tenha sido o mesmo. Abraço.

  6. >Luiz que legal conhecer por aqui alguém que faz parte da história do Pinguim! Grande abraço e obrigado por ter deixado seu comentário

  7. >El Pepe divertida a sua colocação. Eu fui no do Centro e realmente o prédio dá um toque especial a história do lugar.

    Legal que vc compartilhou com a gente por aqui a lenda do Pinguim!

    Grande abraço

  8. >Antigamente falavam que o chopp do Pinguim era bom porque era existia um encanamento ligando a fábrica da Antarctica ao bar do centro. Mito, lógico.

  9. >Sou de Franca/Sp, morei dois anos em Ribeirao Preto e hoje moro em Sao Paulo.
    O Pinguim é muito famoso, mas seu chopp é tão Antartica quanto qualquer outro.
    O que faz a diferença é a marca e o ambiente.
    Mas se tratando do chopp em si, sugiro que experimentem em uma outra oportunidade, o chopp Colorado.
    Este sim, é original de Ribeirão Preto e artesanal.
    Algo sem comparação!
    Fica a dica.

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*