>Todos querem ter o DOM

>

Alex%20Atala thumb%5B2%5D - >Todos querem ter o DOMEle chegou depois de autografar livros e sentou-se na escada, no chão do auditório, enquanto aguardava o final da palestra do espanhol Marcelo Tejedor (Casa Marcelo – Santiago de Compostela) na Semana Mesa SP, promovida pelo Senac São Paulo e a revista Prazeres da Mesa

Da rebeldia da tatuagem à maturidade dos óculos de grau, Alex Atala é um chef generoso. Começou sua palestra dizendo que conseguiu muitas coisas em sua vida e agradeceu seu sucesso em 50% a Geovane -o chef que está no D.O.M, enquanto ele não está.

Com uma simplicidade, que deveria ser mais copiada do que seus pratos, Atala discorre em 6 receitas como avalia o sabor de cada ingrediente, texturas,  combinações e por fim, a mente aberta para a criação. Como fazer para que você coma pensando que tem carne sem que haja carne? Vamos lá: qual o sabor da carne? E por aí, seguem suas pesquisas até que juntando A + B + C + etc, está lá ao sabor da carne.

Obviamente, tem de se experimentar conhecer o sabor de cada ingrediente (e olha que são muitos!) e aí começar a alquimia da mistura, com toques de ousadia e incansáveis testes.

Todos querem ter o DOM, não o restaurante do chef, obviamente; quer dizer, na verdade, muitos até gostariam de ter o restaurante do Atala. Ficam algumas reflexões:

  • cada um é único, portanto só existe um original.
  • inspiração também requer transpiração.
  • sabor é indispensável.
  • quão rica não será nossa gastronomia se os futuros chefs fizerem a si a pergunta: porque amo mesmo de cozinhar?

D.O.M

Dalva e Dito

Alessander Guerra

6 Comentários

  1. >Olá, Alessander!!!
    Parabéns pelo blog, já inclui nos meus favoritos.
    Li uma entrevista do Alex numa revista e virei fã dele, o cara não chegou no topo à toa. É honesto, trabalhador e não tem medo de arriscar e ser feliz.
    Abraços,
    Rose

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*