Opa’s Kaffeehaus – Café Colonial

Opa%27s - Opa's Kaffeehaus - Café ColonialNova Petrópolis é um reduto alemão, próximo a Gramado famoso por seus Cafés Coloniais e o Opa’s Kaffeehaus, uma homenagem ao avô (Opa em alemão), é o único café colonial do Brasil merecidamente estrelado pelo Guia 4 Rodas e agora também pelo Guia Cuecas na Cozinha.

O negócio é um capricho! Vestidas com trajes típicos alemães, as moças vão colocando em sua mesa, primeiro ao redor do açucareiro como que formando uma flor, potes diversos – requeijão, requeijão temperado, nata, manteiga, chucrute (é alemão, né gente! e é muito bom), geléias variadas (todas feitas apenas com frutas), mel e aí cesta de pães especiais, frios, queijos, torta de cebola e requeijão, pastelzinho de palmito e tortinha de frango, linguiça cozida, mostarda (mais alemão aí gente), bolos (coco, chocolate com amêndoa, mel, maçã) e ainda tem um carrinho com tortas doces (um seis tipos). Também tem café, leite e um insuperável chá de maçã. Devo ter esquecido alguma coisa porque são 45 especialidades e todas com sabor diferente e bom, pasmem! Olha o cara aí na foto abaixo, pasmou!!!!!Opa%27s+1 - Opa's Kaffeehaus - Café Colonial

Vamos ao carrinho de tortas do final. Tudo é bom, mas há uma inesquecível torta de uva. As uvas (tipo Isabel) estão todas lá com semente e tudo, bem molinhas e azedinhas, com um toque de vinho formando um recheio intenso de uma torta que tem a massa extremamente saborosa e leve. Algo bem rústico e campestre! Só pra sacanear vejam abaixo.

Opas torta - Opa's Kaffeehaus - Café ColonialCuriosidade – A Origem do Café Colonial
Quando os primeiros imigrantes alemães vieram ao Brasil, suas casas eram muito longe umas das outras e por isso, as visitas entre eles eram raras. Dessa forma, quando os colonos se reuniam em uma casa, a dona dessa casa preparava tudo o que sabia cozinhar premiando os visitantes com muita fartura à mesa.
Em Nova Petrópolis, o café colonial surgiu na década de 1950, com a senhora Maria Hertel. Dona Maria oferecia a seus hóspedes um Chá das Cinco, mais tarde transformado em Café Colonial, que começou pelo boca-a-boca a fazer tanto sucesso que muita gente de outras cidades passou a visitá-la apenas para degustar as famosas delícias que ela preparava. A idéia pegou e muitas famílias da Serra Gaúcha começaram a oferecer Cafés Coloniais.
O Opa’s surgiu em 1986, quando o professor Gerald Kolb, querendo preservar a residência construída por seus pais em estilo bávaro, resolveu juntamente com a família transformá-la em Café Colonial como forma de preservar nesse local a cultura alemã por meio da culinária de da música. Sim, você fica escutando diversas músicas alemãs enquanto degusta o delicioso Café Colonial do Opa’s. Tem coisa melhor!!!!

Alessander Guerra

5 Comentários

  1. >Nova Petrópolis é uma graça, me entantei mais do que com Gramado e concordo com vc nos dois posts: 10 para Nova Petrópolis e seus opas, e nadica para aquele de Gramado, tb fui e não gostei!
    Beijinhos,

  2. >Alessander, que loucura essa Opa Koffeehaus!!! Eu amo café colonial e fiquei babando do lado de cá…pena que estou tão longe dessa maravilha!
    Essa torta de uva Isabel é uma loucura mesmo, já postei no Mangia uma receita que faço e que faz o maior sucesso!
    Um abraço e feliz 2008!
    http://www.mangiachetefabene.wordpress.com

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*