>Os restaurantes também estão floridos

>N%C3%B3+de+Pinho Alcachofra Laminatti+de+berinjela bx - >Os restaurantes também estão floridos

foto: Sérgio Guerrini
Para quem quiser provar as alcachofras em pratos criados por chefs abaixo alguns restaurantes. Outras sugestões deixem nos comentários.
Restaurante Nó de Pinho – fica em Gonçalves (sul de Minas Gerais) dentro da Pousada Solar D´Araucária, mas é aberto ao público em geral – promove seu segundo festival da alcachofra com duas opções de entrada e três pratos principais. Entre eles o da foto acima: Laminatti de beringela com alcachofra, ricota fresca temperada, tomate confit, ao molho de tomate e manjericão. – R$ 28,00
Lola Bistrot – bistrô delicioso da Vila Madalena. Já falei dele aqui. Sugestão: Parpadelle salteado com ervas, fundo de alcachofra e shitake – R$28,00

Chef Rouge – comida francesa saborosa e cenário que transporta à França – tem duas unidades (uma no Shopping Morumbi). Sugestão: Suprême de Poulet aux Artichauts (Filé de frango recheado de alcachofra regado ao molho madeira e acompanhado de arroz e açafrão) – R$ 39,00

Vicolo Nostro, restaurante italiano de São Paulo. Sugestões: Fettucine con Gamberi e Carciofini (massa fresca com molho leve de camarões, alcachofras e creme de leite) – R$ 59,00, Agnolotti di Carciofi (massa fresca recheada com alcachofra ao molho de mascarpone e hortelã) – R$ 43,00 e Risotto Carciofini e Pollo (alcachofras italianas e fatias de filet de frango ao vinho marsala, sálvia e parmesão)- R$ 40,00

Tappo Trattoria (Rua da Consolação, 2.967, Jardins) , outro italiano de São Paulo – em minha visita a esse restaurante achei a comida saborosa, porém cara e com porções pequenas. Trattoria é um nome completamente errado para os preços e porções que oferece (Trattoria – Restaurante popular italiano, administrado por uma família – Pequeno Dicionário de Gastronomia de Maria Lucia Gomensoro). Sugestões: Insalata Tappo (Friseé, rúcula, rabanete, alcachofra, tomate cereja, erva doce, amêndoa e parmesão) – R$ 18,00 e Gamberetti com Brodo Pugliese (Camarão com tomate, pimentão, alcachofra e caldo de peixe) – R$ 59,00

Alessander Guerra

6 Comentários

  1. >Ola!
    Devo dizer que hoje foi a 1ª vez, que durante minhas voltinhas pela internet, vim parar no Cuecas na Cozinha. Adorei!
    O tempo que sobra no dia-a-dia não é muito grande, pois sou estudante de medicina, mas isso não nos impede, a mim e meus amigos, de semanalmente nos reunirmos para uma jantinha desestressante! Que geralmente é feita por mim já que sou a cozinheira de plantão do pessoal! O que adoroo fazer já que compartilho e concordo pleeenamente com a idéia de que “Em volta do fogão, acompanhados de uma boa bebida, compartilhamos a melhor das experiências”!!
    Amo culinária e com certeza cozinhar, mesmo que seja um almocinho solitário, é um ritual que não dispenso!
    O que chama atenção no site é justamente a paixão pela culinária, e tudo que a envolve, que salta aos olhos! Muito agradável de se ler!
    Parabéns! Um abraço

  2. >Denise agradeço sua visita e espero que, de vez em quando, possa dar uma passadinha por aqui para um bate-papo na nossa cozinha. Você realmente captou o espírito do Cuecas na Cozinha. Abs.

  3. >Querido Alex,
    Morando em Brasília, também tento sempre que possível visitar um os restaurantes daqui e saborear o que andam servindo.
    Não dá para negar, tem coisa que a gente não consegue mesmo fazer em casa, e, sabemos que para melhorar mesmo aquilo que conseguimos fazer precisamos ter algum tipo de parâmetro, para poder comparar…é assim ou corremos o risco de sermos os únicos a gostar daquela “gororoba” que fazemos.
    Boas sugestões para quando for a São Paulo. E você, quando visitar Brasília, não se esqueça de fazer seus comentários, VOU ADORAR!
    Bj.

  4. >Alê,
    Depois de um tempo sem muito frequentar blogs (inclusive o meu), estou decidida a voltar ao mundo virtual. E logo vim dar uma espiada no seu blog, que sempre vale a pena.
    Olha, eu nunca comi, mas dizem que é sensacional o robalo ao vapor com azeite, ervas e alcachofras da Brasserie Erick Jacquin. Tá na minha lista de desejos.
    Hoje fiz um post do Robin Des Bois, vc conhece??
    Bjs
    Andréa

  5. >Oi Andréa, conheci o Robin des Bois e gostei, mas como o ambiente é muito escuro minhas fotos não ficaram boas, por isso ainda não publiquei. Preciso voltar lá. Quanto ao restaurante do Jacquin não tive uma experiência muito boa lá, acho a comida meio pesada sabe? bjs

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*