Cerveja Milagrosa

Na Idade Média, em Flandres, Bélgica, Arnold de Tiegem fundou a Abadia de St. Peter e, em 1084, passou a produzir uma cerveja, com a qual “curava” operários doentes. Na realidade, como na época a água era imprópria para beber, Arnold estimulava o consumo das cervejas e assim “livrava” as pessoas dos grandes surtos de doença e pragas. O “santo remédio” tornou-se tão procurado que ele foi declarado o santo patrono dos produtores belgas.

E é justamente a cerveja Steenbrugge, que homenageia este santo patrono, que a Bier & Wein importa para o Brasil em duas versões: Steenbrugge Blond e Steenbrugge Dubbel cervejas de abadia de alta fermentação (Ale), segunda fermentação na garrafa e temperadas com: o Gruut. Mistura herbal que a diferencia das demais. Há séculos, cada cidade belga costumava ter uma cerveja com sua própria personalidade. Em Bruges, próxima ao vilarejo de Steenbrugge, onde se encontra a abadia se St. Peter, a personalidade foi determinada por essa mistura de ervas que os fabricantes adquiriam da casa de ervas da cidade, conhecida como Gruuthuse. 780 steenbrugge blond 330ml+c%C3%B3pia - Cerveja MilagrosaSteenbrugge Blond – Cerveja estilo Abadia Blond, dourada, encorpada e acalentada, com sutis traços da mistura herbal: Gruut. Teor alcoólico de 6,5% vol. Deve ser servida entre 8º e 12º C.
781 steenbrugge dubbel bruin 330ml+c%C3%B3pia - Cerveja MilagrosaSteenbrugge Dubbel – Cerveja estilo Abadia Dubbel, encorpada, de coloração marrom rubi, sabor rico, um voluptuoso caráter de malte e um aroma frutado da fermentação junto à sutil mistura herbal : Gruut. Teor alcoólico de 6,5% vol. Deve ser servida entre 8º e 12º C.

Alessander Guerra

Envie uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA
Refresh

*